Enade 08 de Julho de 2020

Inep participa de webnário sobre Enade 2020 e esclarece dúvidas sobre o exame

Representantes do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) participaram de um bate-papo on-line promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), nesta terça-feira, 7 de julho, com o objetivo de esclarecer dúvidas sobre o Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) 2020. O exame precisou ser adiado para o próximo ano, em função das restrições impostas devido à pandemia de COVID-19, que impactaram o cronograma de aulas das instituições de educação superior em todo o país.

A equipe do Inep explicou que a decisão de alteração da data do exame para 2021 levou em consideração a situação de excepcionalidade do momento atual e os possíveis impactos nos Indicadores de Qualidade da Educação Superior.

Logo na abertura da apresentação, o diretor de Avaliação da Educação Superior do Inep, Moaci Alves Carneiro, falou sobre a importância de valorizar canais de diálogo com entidades representativas das instituições de educação superior. “As soluções precisam ser feitas sempre de forma cooperativa, de forma compartilhada. Essa agenda foi solicitada antes do adiamento do Enade 2020 e eu interpreto isso como extremamente positivo. Primeiro, da parte do Inep, que explicita o nível de preocupação neste momento de excepcionalidade que vivemos; e da parte da ABMES, que mostra sua sintonia com as instituições afiliadas”. O diretor também destacou a atual gestão do presidente do Inep, Alexandre Lopes, que tem se centrado em cumprir os fluxos de regularidade operativos na autarquia e trabalhado com diálogo permanente com todas as entidades representativas da educação superior.

A videoconferência também contou com a participação de Tarcísio Ribeiro, coordenador-geral do Enade; Fernanda Marsaro, coordenadora-geral de Controle de Qualidade da Educação Superior do Inep; Celso Niskier, presidente da ABMES; Sólon Caldas, diretor-executivo da ABMES; além da audiência de cerca de 850 espectadores que acompanharam o encontro de diversas partes do Brasil e do mundo, e enviaram dezenas de perguntas que puderam ser amplamente discutidas e respondidas durante o webnário.

O Enade 2020 será aplicado para estudantes de cursos vinculados a 30 áreas que compõem o Ano II do Ciclo Avaliativo do exame, que tem foco nos bacharelados e licenciaturas de ciências exatas e áreas afins, e, no caso dos cursos superiores de tecnologia, nas áreas de controle e processos industriais, informação e comunicação, infraestrutura e produto industrial. As provas para os concluintes dos cursos de graduação dessas áreas estavam inicialmente marcadas para 22 de novembro de 2020.

Na última quarta-feira, 1º de julho, Alexandre Lopes anunciou o adiamento do exame para 2021. A nova data será redefinida conforme os ajustes dos calendários acadêmicos.

Enade – O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos; o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao aprofundamento da formação geral e profissional; e o nível de atualização dos estudantes com relação à realidade brasileira e mundial.

A inscrição é obrigatória para estudantes ingressantes e concluintes habilitados de cursos de bacharelado e superiores de tecnologia vinculados às áreas de avaliação da edição. A situação de regularidade do estudante é registrada no histórico escolar.